NovidadesIntelipost Connection 2019

No último dia 18 de junho, aconteceu o Intelipost Connection 2019: evento pioneiro na América Latina sobre o futuro das entregas e da experiência de entrega no e-commerce.

O evento conseguiu reunir em sua primeira edição mais de 500 participantes, 30 patrocinadores e 30 palestrantes convidados, em 4 trilhas distintas com conteúdos sobre operações cross-border, omnichannel e customer experience, além da promoção das principais tendências e inovações tecnológicas voltadas para o setor logístico.

De acordo com o diretor da Intelipost, Pierre Jacquin, em 2019 a logística deverá fazer parte da estratégia comercial de todas as empresas do mercado. “A experiência de compra pós-venda é um diferencial para o consumidor. Por isso, a logística hoje está consolidada como uma alavanca comercial para as empresas que colocaram isso como prioridade. Assim, o Intelipost Connection conseguiu aproximar os embarcadores e as empresas de logística para criar valor aos clientes. O compartilhamento de experiências e conteúdos de alto nível é algo que colabora, e muito, para o amadurecimento deste mercado”.

Veja a seguir alguns destaques do evento:

Gestão de entregas em áreas de restrições e riscos

Uma das discussões de destaque do evento tratou da gestão das entregas em áreas de restrições e riscos. Uma análise sobre a problemática do abastecimento e distribuição em regiões com alta densidade demográfica foi apresentada pelo professor e pesquisador do Insper, André Duarte.

Entre os dados apresentados pelo pesquisador, chama a atenção o crescimento do poder de compra de pessoas residentes em áreas periféricas – estima-se que 22% da população de grandes centros urbanos residem em favelas – o que representaria em números absolutos, 13 milhões de pessoas que movimentam algo em torno de R$ 23 bi por ano. 

Para André, é crucial entender a realidade dos residentes dessas comunidades, e buscar soluções que atendam aos perfis desses consumidores. Um dos pontos fundamentais diz respeito às formas de realizar entregas, com o incentivo aos entregadores locais e o desenvolvimento de novas modalidades e estratégias de entrega. “Nosso trabalho é desenvolver pesquisas e práticas para melhorar o desempenho desse serviço”, afirma.

Outro fator relevante diz respeito aos valores do frete para entregas nessas áreas, normalmente mais altos e com prazos de entregas que não atendem, de fato, as demandas do consumidor.

Segundo Flávio Amaral, responsável pelas operações logísticas da Natura, “O aumento do número de entregas em grandes comunidades é uma constante dentro do nosso modelo de negócio e compreender que essa entrada é um processo diferenciado são pontos fundamentais para conquistar novos clientes”.

Flávio Amaral, Paulo Fernandes e André Duarte durante o painel “Como gerenciar entregas em zona de restrições/riscos?”

Data Driven Logistics

Utilizar os dados produzidos a cada pedido realizado para entender e identificar pontos de melhorias na operação, unindo a tecnologia para a otimização de processos. Como resultado, conseguir oferecer um relacionamento mais próximo e significativo com o consumidor.

A AMARO é um exemplo. A empresa já utiliza os dados coletados dos seus pedidos e volumes de entregas por regiões para tomar decisões estratégicas no momento de implementar novas ações de relacionamento com as suas consumidoras.

“É importante entender a fundo não apenas como as transportadoras contratadas estão entregando, mas como a nossa forma de entregar está impactando o relacionamento como um todo com as nossas clientes”, cita Lodovico Brioschi, COO da AMARO.

Lodovico Brioschi, COO da AMARO durante a trilha Innovation

Os cuidados com uma operação Omnichannel

“É importante que as empresas reflitam sobre algumas questões no momento de estruturar uma operação Omni, como:

  • A operação já alcançou o status de RETAGUARDA EFICIENTE?
  • A empresa está verdadeiramente se posicionando como CUSTOMER CENTRIC?
  • O Supply Chain foi reposicionado para o status de PILAR ESTRATÉGICO?
  • As metas na empresa são realmente COMPARTILHADAS?
  • A empresa dispõe de métodos ÁGEIS para DIGITALIZAR e AUTOMATIZAR processos?
  • Os Modelos de COMPORTAMENTO dos colaboradores estão alinhados com a TRANSFORMAÇÃO? 

Com essas respostas, torna-se muito mais simples a estruturação de modelos Omni que se adequem ao objetivo não apenas da organização, mas das necessidades de cada cliente, de forma contínua”, cita Ricardo Ruiz Rodrigues, diretor de logística da Magazine Luiza.

Ricardo Ruiz Rodrigues, Diretor de logística da Magazine Luiza, durante a apresentação “O Caminho Para A Logística Omni-Canal”

“Acredito que este evento é realmente necessário para o desenvolvimento do e-commerce no Brasil. Não havia ainda nenhum evento parecido, o que era uma grande deficiência do mercado em si. E criando o nosso evento, conseguimos ajudar o mercado a avançar, crescer, amadurecer e evoluir”, afirma Stefan Rehm, CEO da Intelipost.

Para o CEO, “criar conexões entre os embarcadores, transportadoras e parceiros (o objetivo geral do nosso evento), é o que simboliza e até mesmo caracteriza o próprio nome do evento, Intelipost Connection”.

A próxima edição já possui data marcada: 20 de maio de 2020. Inscreva-se aqui na Newsletter do evento e saiba com exclusividade sobre a pré-venda de ingressos, descontos, novidades e muito mais!