Novidadesintelipost connection 2021

Em sua 3ª edição, o Intelipost Connection discutiu tecnologia, inovação na entrega do e-commerce e o desenvolvimento omnichannel no Brasil.

O Intelipost Connection, evento promovido pela Intelipost, empresa líder em tecnologia inteligente para logística, desde a sua primeira edição, reúne anualmente grandes empresas dos setores de transporte, e-commerce, varejo, indústria e tecnologia. 

Este ano o evento contou com a presença de grandes marcas como Via Varejo, Ifood, Mercado Livre, Dafiti e reuniu mais de dois mil profissionais para falar de tecnologia e inovação na logística, além de apresentar as principais tendências globais para os setores de e-commerce, logística, tecnologia e varejo. 

Para abrir a edição do evento, o CEO Stefan Rehm falou sobre a grande aceleração da logística no e-commerce e apontou as 6 grandes mudanças para a logística nos próximos anos:

Intelipost Connection 2021
As 6 grandes mudanças para a logística.

Segundo o CEO, “uma opção de entrega mais barata e uma opção mais expressa é o padrão para o mercado, pois gera conveniência para o consumidor”. E complementa:

“A grande aceleração da logística do e-commerce é também uma avaliação qualitativa dos processos, das ações que foram tomadas e, principalmente das inovações que nós fizemos cinco anos em um na logística do e-commerce.”

Intelipost Connection 2021
Stefan Rehm abriu o Intelipost Connection 2021.

De acordo com Stefan, mesmo com os impactos em diversos setores, era estimado que o e-commerce realizasse 210 milhões de entregas em 2020, mas na prática, registrando uma expansão de 67% em comparação com 2019, foram entregues mais de 300 milhões de pacotes.

E-commerce na China e omnichannel

Apresentando as tendências do omnichannel da China, Alexander Kremer, ex-diretor de Omnichannel da JD.com, compartilhou seus aprendizados, dando destaque para a produção de conteúdos para interação social no processo de decisão de compra, impulsionada pelos novos modelos de e-commerces que estão surgindo. Segundo ele, “algo que começou a tomar forma em 2017 foram os feeds personalizados, com as plataformas de e-commerce alterando a visualização do feed de acordo com os consumidores. Vemos cada vez mais conteúdos sendo produzidos pelas marcas  com o apoio de influenciadores”

Intelipost Connection 2021
Alexander Kremer apresentou um panorama do e-commerce da China.

Ele também observa que grandes players do offline estão se unindo aos players online, e que essa colaboração ajudou bastante na sobrevivência de muitas lojas. Segundo ele, juntos, o online e o offline estão trabalhando para mostrar produtos com qualidade. E completa:

 “Em 5 anos, tudo vai estar vinculado entre o online e offline. As lojas offline estão se remodelando, dando outro papel para o espaço físico. Vai ser muito difícil distinguir o online do offline. Isso é o que eu acredito.”

O evento também contou com uma trilha paralela de conteúdos pré-gravados com a participação de especialistas dos times de Produtos e Inteligência de dados da Intelipost, além de empresas como Mercado Livre, AWS, C&A, Fedex e Braspress e dos parceiros da AgileProcess e Anymarket. 

Nela, os espectadores puderam acompanhar como a inteligência de dados está transformando as operações de varejistas e
e-commerces, tendências para a logística de entregas nos marketplaces, oportunidades do e-commerce nacional e internacional, além do lançamento oficial das novas soluções da Intelipost em primeira mão.

O desafio da logística de marketplaces

Beatriz Christofoleti, da Anymarket, lembrou das transformações no comportamento do consumidor desde o início da pandemia, ressaltando como esses consumidores já aderiram e devem permanecer no online, exigindo cada vez mais da experiência de compra oferecida pelas marcas, o que gerou uma necessidade  de novos aprendizados em estratégias de vendas. Segundo ela, “o principal desafio do seller é entender as regras de negócio de cada canal, principalmente com o surgimento de novos modelos de negócio em marketplaces. É preciso entender o canal que faz sentido para o seu negócio, mais do que estar presente em todos os canais”.

Sobre os desafios para os marketplaces, André Santos, do Mercado Livre, comenta que ”O vendedor precisa entender como escalar da melhor maneira. É necessário ter as integrações corretas. Quando agrega-se tecnologia e escalabilidade há um conhecimento melhor do ecossistema”, o que garante uma melhor gestão e visibilidade da operação logística.

Inteligência de dados para a melhor experiência de entrega

Para falar sobre como a ciência de dados está mudando as operações de varejistas e e-commerces, o Intelipost Connection contou também com a presença de Renato da Paz, da AWS e do Bruno Woth, Data Intelligence Manager da Intelipost. 

Segundo Renato, quando o assunto é o futuro da Inteligência de dados no varejo e e-commerce, ele observa: “A gente tem visto que muitos varejistas hoje estão fazendo trocas de sistemas de ERP hoje. Cada vez mais os dados são digitalizados, com um maior armazenamento de dados. Porém, muitas empresas apresentam dificuldades para extrair informações a partir desses dados armazenados”

Para ele, “as empresas já entenderam que os dados são um diferencial competitivo e estratégico.” Para os especialistas, analytics é uma abordagem muito estratégica e ganhará cada vez mais importância nos próximos anos.

Em se tratando dos primeiros passos para conseguir gerar valor a partir da análise de dados, Renato complementa: “O ponto mais importante é perceber que analytics está muito relacionado ao negócio, saber que tipo de decisão eu preciso tomar e qual tipo de dado eu preciso para tomá-las”.

A realidade do omnichannel no Brasil

Dando sequência ao evento, Mauro Friedrich, Diretor de Logística na Arezzo, falou sobre a realidade do omnichannel no Brasil, e ressaltou a importância de boas integrações para um bom processo de omnichannel. Além isso, em se tratando de prazos, afirma que next day e same day são os novos “mantras” para as operações logísticas. Para ele,  “Adequar o custo correto é a essência para uma entrega rápida, mas isso não é simples”.

Intelipost Connection 2021
Mauro Friedrich tratou da realidade do omnichannel no Brasil.

No painel “O futuro da logística: o que esperar da experiência de entrega em um mundo pós-covid?” que teve a participação do COO da Intelipost Gabriel Drummond, Raquel Albernaz do iFood e Herszenhorn da Loggi, trouxe um debate sobre os desafios das entregas para os próximos anos, principalmente por conta do aumento da demanda associado ao contexto de pandemia global que estamos vivendo. 

Para os especialistas, trabalhar com alta volatilidade e sem impactar a experiência do cliente será fundamental, além de “um olhar mais sensível para quem está na rua realizando as entregas”, complementa Raquel.

Intelipost Connection 2021
Ifood, Loggi e Intelipost discutem o futuro das entregas last mile.

PUDOs e Hubs: tendências para simplificar as entregas 

Outro ponto de atenção, o surgimento de Hubs logísticos como forte tendência como soluções de entregas, bem como reforços na comunicação com quem está no dia a dia operando as bases por meio da utilização de identificação de voz e melhor visibilidade, além dos protocolos de segurança para todos os envolvidos. “Hoje, as operações estão prontas e com muito mais valor, dada a situação mais crítica que estamos nesse momento”, concluiu Ariel.

Intelipost Connection 2021
Pegaki e Total Express comentam a digitalização no setor de transporte.

Abrindo a agenda do segundo bloco do evento, Daniel Frantz da Pegaki e Eduardo Peixoto da Total Express comentam como o cenário de transportes está se reinventando com o digital.  Entre os assuntos tratados, a utilização de PUDOs como uma das grandes apostas para a solução das entregas. Isso porque, segundo os palestrantes, a estratégia agrega valor às operações, seja pela maior flexibilidade na localização da entrega, facilidade no processo de reversa e até mesmo questões de segurança e atualização dos status de entrega, o que gera redução de custos operacionais (como roubos de cargas e insucesso na entrega), aumento da conversão e melhorias na experiência dos consumidores, além do custo de coleta, que pode ser até cinco vezes mais barata do que a coleta convencional.

Inovação, logística e os impactos na experiência do consumidor

O painel “Logística como aliada na experiência do consumidor” teve a presença de Ana Rosa, Diretora de CX da Intelipost, Eduardo Fullen, da B2W, Gustavo Bello, da Dafiti e Gustavo Kornitz FedEx, trazendo insights de mercado e tendências para o setor, além de tratar como tem sido esse processo de reinvenção com o uso de tecnologias inteligentes.

intelipost connection 2021
B2W, Dafiti e Fedex discutem as principais tendências para o setor.

Para falar sobre inovação e o papel das startups na transformação do cenário da logística, Pierre Jacquin, Chief Growth Officer da Intelipost conversa com Fabíola Paes, CEO da Neomode, Guilherme Massa CEO da Liga Ventures e Felipe Trevisan, CEO da Vuxx.

intelipost connection 2021
Neomode, Liga Ventures e Vuxx apontam falam sobre inovações.

E para finalizar a terceira edição do Intelipost Connection, Fernando Gasparini, Diretor de Logística na Via Varejo S/A apresentou o modelo Last mile da empresa, além de apresentar outros insights sobre a transformação da logística no varejo brasileiro.

intelipost connection 2021
Fernando Gasparini comenta a transformação da logística no varejo brasileiro

E então, o que achou dos conteúdos do Intelipost Connection 2021? Conta pra gente e não perca os próximos posts aqui no blog. Toda semana trazemos conteúdos inéditos sobre as principais tendências e tecnologias para os setores de logística, varejo e e-commerce. 

Quer receber esses conteúdos da Intelipost diretamente na sua caixa de e-mail? Assine a nossa newsletter e acompanhe as novidades em nossas redes sociais!