Indicador de desempenhosistema sac

Hoje, muito mais que atender bem o consumidor é preciso oferecer a oportunidade de ele interagir com a empresa. A boa estruturação de um sistema SAC  — Serviço de Atendimento ao Cliente — pode representar um diferencial importante para fidelizar o comprador.

É claro que a satisfação de quem adquire o seu produto depende também de outros fatores. No entanto, não existe momento mais propício para conquistá-lo que no atendimento. O cliente gosta de se sentir especial. Além disso, quando precisa se comunicar ele quer que esse processo seja prático, rápido e eficiente.

Por isso, neste post nós vamos mostrar a você qual a utilidade dos SACs reativo e proativo, suas diferenças e aplicações. Continue a leitura!

SAC Reativo

O SAC reativo é aquela interação que parte da iniciativa do cliente. Por exemplo, quando ele entre em contato por e-mail para saber mais informações sobre as formas de pagamento disponíveis, quando quer saber de um pedido que já fez o ou mesmo para solicitar uma troca ou devolução.

Outro motivo é quando o consumidor faz uma reclamação via formulário de contato, chat etc. Independentemente do meio que ele escolher para se comunicar, o atendimento é reativo sempre que a empresa recebe o comunicado ou solicitação.

SAC Proativo

O SAC proativo, como o próprio nome diz, é uma reação da própria empresa. Nesse caso, ela se antecipa às necessidades do cliente e faz a entrega da informação sem que, para isso, ele precise buscar por ela.

Um exemplo clássico dentro do marketing digital é o e-mail marketing. Com esse recurso, é possível enviar dicas, promoções, novidades etc. Dados como confirmação de pagamento, data de entrega do produto e código de rastreamento também representam essa modalidade de serviço.

Principais diferenças

Enquanto o serviço de atendimento ao cliente na forma reativa é feito por meio do desejo do consumidor de entrar em contato, o SAC proativo é uma antecipação da empresa para mantê-lo informado sobre determinado assunto.

O primeiro modelo existe desde a época em que o único meio para se comunicar em tempo real era o telefone fixo. Felizmente, agora é possível oferecer uma variedade maior de canais além dos meios convencionais.

O principal objetivo do atendimento proativo é construir um relacionamento duradouro com o cliente e promover engajamento e satisfação. Por isso, a ideia é surpreendê-lo com informações úteis, relevantes e atrativas.

Aplicações

É importante considerar a elaboração de um planejamento na hora de montar uma central de atendimento. Afinal, tanto o SAC reativo quanto o proativo devem ser contemplados no plano de ação.

Estabelecer os objetivos é uma necessidade indispensável para gerenciar a dinâmica de ambos de acordo com as metas que a empresa deseja alcançar.

Apesar de ser uma iniciativa da demanda, a empresa precisa divulgar amplamente os canais de comunicação do SAC reativo para que o público conheça as opções disponíveis para interagir. Caso contrário, haverá dificuldades para ele conseguir o que deseja e isso provoca frustrações.

Hoje, com a popularização da internet e os dispositivos móveis, cada vez mais as pessoas estão utilizando o próprio celular para entrar em contato com a marca. Sendo assim, é recomendável oferecer múltiplos canais de atendimento além dos métodos tradicionais, como redes sociais, chat online e outros.

O SAC proativo, por sua vez, é utilizado para estreitar o relacionamento com o consumidor e fidelizá-lo. Nem sempre isso é uma tarefa fácil. No entanto, é preciso conhecer bem o perfil do cliente, investir em uma ferramenta de automação e gerenciar esse relacionamento com ajuda da tecnologia.

Sem ela, se torna inviável alcançar a sua audiência, sobretudo porque se faz necessário segmentar o público. Ou seja, direcionar a sua mensagem para as pessoas certas. Quando o produto é voltado para o sexo feminino, apenas as mulheres devem receber o material. Você não quer ser um spam na caixa postal do cliente, certo?

O pós-venda também pode ser trabalhado como SAC proativo. As empresas de transporte aéreo fazem isso muito bem. Elas enviam o status de compra dos bilhetes, confirmação de voo, notificações de check-in e ainda fazem pesquisas para identificar o nível de satisfação do cliente.

Excelência no atendimento

Convém destacar que de nada adianta investir em dois tipos de serviços de atendimento se a sua equipe não tiver as habilidades necessárias para interagir, responder às perguntas, ouvir reclamações e ajudar as pessoas.

Imagine a seguinte situação: ao ligarem para a central, seus clientes ficam pendurados no telefone por minutos. Em seguida, são surpreendidos com a queda da ligação e precisam ligar diversas vezes até conseguir contato. Depois, são transferidos de um atendente para outro até serem encaminhados para o departamento de interesse. Sentiu o estresse? Isso não pode acontecer, não é mesmo?

Os atendentes precisam conhecer a fundo os processos da organização. Outro detalhe é que devem estar familiarizados com a tecnologia adotada pela empresa. Programas de treinamento podem equilibrar os conhecimentos, mas é importante se atentar para as particularidades quanto ao comportamento e personalidade dos envolvidos.

O cliente precisa sentir confiança e saber que o problema será solucionado. Para isso, é fundamental que o atendente o chame pelo nome e seja extremamente educado e prestativo. Evitar frases prontas e não parecer uma máquina ajudam a transmitir empatia e credibilidade, mas também é bom agir com honestidade. A tonalidade da voz de um atendente mal-humorado é perceptível até mesmo por telefone.

Ao implantar uma central de atendimento, o conhecimento dos processos operacionais representa uma camada que fortalece o surgimento de uma cultura focada na satisfação do cliente e, ao mesmo tempo, nas estratégias de negócio. Saber agregar esses valores é imprescindível para que as pessoas se lembrem da sua marca em primeiro lugar. Isso é um diferencial competitivo enorme, porque neutraliza a concorrência.

Como você viu, o sistema SAC pode ser reativo e proativo. Os dois possuem características distintas, entretanto, um não é mais importante que o outro. Ambos devem fazer parte das ações de marketing da empresa. Afinal, tão importante quanto você se mostrar acessível ao consumidor, é trabalhar para que ele fique bem informado sobre as atividades do seu negócio.

Gostou de saber mais sobre essas formas de atendimento? Compartilhe este artigo nas redes sociais para que seus amigos também possam ler!