Tecnologiacomo as retail techs estão transformando o varejo?
É fato que com a revolução tecnológica houve grandes transformações em diversos mercados e, no varejo, não foi diferente. Nesse sentido, as ferramentas digitais foram essenciais para o surgimento de Retail Techs que, por sua vez, auxiliam as empresas a melhorar a experiência do consumidor no e-commerce e no varejo físico.

Logo, com o surgimento das Retail Techs, o segmento varejista foi beneficiado em diversos âmbitos, principalmente no que se refere a inovação em estratégias de vendas presenciais, online, logística, Inteligência de dados e visibilidade das operações.

O que são Retail Techs?

É uma denominação usada para dividir startups que oferecem alternativas tecnológicas direcionadas ao mercado de logística e varejo. Essa proposta de inovação no comércio visa proporcionar ao consumidor moderno maior agilidade e eficiência na compra, mudando, de forma significativa, a maneira com a qual as empresas se relacionam com seus clientes.

Desse modo, para que o mercado varejista consiga acompanhar as novas tendências da tecnologia e satisfaça o seu público-alvo com um serviço qualificado, muitas empresas têm optado por altos investimentos na área digital, a fim de aumentar a sua eficiência e, consequentemente, os seus lucros.

Os impactos das Retail Techs no varejo físico

As Retail Techs estão engajadas em resolver os problemas no transporte (como o first e o last mile) tudo isso por meio de ferramentas que geram visibilidade, melhor comunicação e transmissão de dados, além de reforçar a ideia de colaboração no setor, problemas enfrentados no dia a dia dos gestores. Diante disso, soluções como o “clique e retire” foram desenvolvidas com o intuito de agilizar o processo de compra do cliente, bem como a agilidade na retirada.

Somado a isso, outro impacto sofrido pelo comércio no que se refere a essas startups é a forma de pagamento. A loja Amazon Go é um exemplo claro dessa nova tendência. Funciona da seguinte forma: ao chegar no estabelecimento, o cliente entra, vai direto à prateleira, pega o produto pretendido e, por meio de um sistema integrado, o valor é enviado automaticamente para a conta do cartão do cliente.

Como as Retail Techs transformam o varejo?

É nítido que uma boa logística é a chave primordial para o bom desenvolvimento de uma empresa. Nesse contexto, o uso da inteligência artificial melhora o rendimento de muitos mercados, principalmente o varejista. Assim, as Retail Techs atuam em várias etapas do processo de venda, desde o controle de performance de entregas, gestão de despacho, roteirização e coleta, até a entrega last mile e chatbots de atendimento pós-venda.

Breve panorama das Retail Techs no mundo

Atualmente, segundo o monitoramento da Venture Scanner, essas startups encontram-se em mais de 64 países e contam com mais de 1.906 empresas existentes em todo o mundo. Nesse sentido, percebe-se que o poder das Retail Techs ganhou destaque ao nível global e traz modernidade e inovação.

Nesse contexto, para acompanhar a mudança de comportamento do consumidor varejista, que a cada dia tem se interessado mais por serviços digitais e alta eficiência, várias empresas do mundo precisaram incorporar mudanças digitais nos seus setores.

E no Brasil?

Atualmente, muitas empresas brasileiras investem no setor digital, a fim de se destacar frente a concorrência e, consequentemente, ter maior visibilidade no mercado. Nessa perspectiva, segundo dados do relatório “RetailTech Mining”, de 2019, o Brasil teve um crescimento de 40% no número de Retail Techs.

Diante desse dado, entende-se que o mercado varejista brasileiro tem se moldado para acompanhar as inovações propostas pelo meio digital. Em virtude disso, muitas empresas usam essas startups com o intuito de gerar maior produtividade e redução de custos das operações. Na logística, ferramentas de gerenciamento de transporte, logística reversa, roteirização, coleta e entregas last mile são alguns dos exemplos de oportunidades e desenvolvimento.

Qual a importância da tecnologia na sustentação do mercado varejista?

É fato que o poder dos meios digitais gera grande impacto em vários setores do comércio, seja pelo seu poder de sua persuasão ou até mesmo na rápida resolução de problemas. Logo, a tecnologia auxilia muitos lojistas na tomada de decisões corretas e, consequentemente, na geração de valor para as empresas.

Ademais, o uso da inteligência artificial também tem sido peça-chave no mercado varejista, fazendo com que máquinas e softwares aprendam o comportamento e o gosto de cada cliente, por meio do histórico de compras. Logo, por meio de um sistema preciso de controle de dados, várias empresas conseguem manter seu padrão de vendas elevado e aumentar o seu reconhecimento no mercado, entendendo melhor as demandas do seu público-consumidor e se comprometendo a agir pensando nas necessidades dessas pessoas.

Diante disso, a tecnologia tem ajudado de forma ampla o setor varejista, seja ele físico ou digital, a se sustentar no mercado. Uma das maiores tendências dessas startups é o engajamento com os consumidores por meio de um atendimento personalizado e rápido, captando dados estatísticos e informações durante o processo de venda.

Portanto, é fato que a transformação digital que, por sua vez, usa a tecnologia como forma de resolver problemas tradicionais, faz com que muitas empresas consigam maximizar seus lucros e se destacar frente a concorrência. Logo, as Retail Techs são consideradas um diferencial para muitos varejistas, afinal, melhoram o desempenho das vendas e otimizam os resultados.

O futuro do varejo e as retail techs

Por fim, cabe aos empresários investir nesse setor de tecnologia, com o intuito de se criar um processo logístico integrado e automatizado, a fim de que o colaborador tenha acesso aos dados de cada cliente e, assim, consiga captar a movimentação na loja e até mesmo nas redes virtuais.

Logo, um varejista que almeja um futuro promissor para seu negócio deve investir em tecnologias que atendam às novas exigências do mercado consumidor e em pesquisas que mostrem a particularidade de cada cliente e as suas respectivas necessidades, o setor varejista brasileiro será cada dia mais ampliado e notado no mercado global e nacional.

Gostou do conteúdo apresentado? Então, aproveite para assinar a nossa newsletter e receba notícias quentinhas sobre logística e tecnologia no mundo.