NovidadesRastreamentoVendasAliExpress Marketplace

O e-commerce nos países asiáticos têm ganhado relevância nos últimos anos, com destaque para o AliExpress Marketplace. Em países como a China, o “dia dos solteiros” já superou a Black Friday nos Estados Unidos. Uma pesquisa realizada pela eMarketer estima um aumento de 11% no varejo online chinês em 2022, e sugere que a marca dos 3 bilhões de dólares de faturamento nas vendas deverá ser ultrapassada também no próximo ano.

A China sozinha já é responsável por mais da metade dos pedidos online realizados no mundo todo. No ano passado, o comércio eletrônico representou 30% do varejo total no país. Boa parte desse número é representada pelo Aliexpress, empresa privada de varejo online, fundada em 2010 e pertencente ao conglomerado chinês Grupo Alibaba.

 

Sobre o Grupo Alibaba

Sediado em Hangzhou, China, é um conglomerado de empresas com serviços relacionados ao e-commerce, internet, marketing, finanças, logística, tecnologia, etc. O grupo nasceu com o objetivo de aumentar a conectividade ao longo de toda a cadeia logística, desde o fabricante até o consumidor final. Algumas empresas que fazem parte do Grupo Alibaba são: Alipay, Taobao, CAINIAO, Tmall, Ant Financial, Freshippo e AliExpress.

 

ecossistema Grupo Alibaba

Ecossistema do Grupo Alibaba

 

Sobre o Aliexpress

O Aliexpress é a maior plataforma de comércio online cross-border do mundo e o primeiro e único marketplace a realizar entregas internacionais com prazo máximo de até 7 dias no Brasil. 

Pertencente ao grupo Alibaba e reconhecida pelo grau de maturidade logística e utilização de Big Data, a gigante do e-commerce integra milhares de sellers no mundo, com uma oferta de mais de 200 milhões de produtos, a maior diversidade de itens disponíveis em um marketplace para o Brasil. Fato é que o próprio conceito de marketplace foi aperfeiçoado pelo AliExpress. A Amazon, por exemplo, conta com 70% dos sellers originários da China e atualmente está aderindo ao modelo de marketplace.

No Brasil, a AliExpress é pioneira em new retail e outras tendências em marketplace relacionadas ao mobile-first, com o foco em operações local to local, onde o seller nacional vende no e-commerce nacional, fortalecendo redes locais, por meio da disponibilização do estoque digital de estabelecimentos comerciais em um raio de 3 km.

O site também é bastante conhecido pela diversidade de produtos e ótimas ofertas de frete, como por exemplo o frete grátis para todo o Brasil para compras de qualquer valor.

 

 

A evolução do AliExpress Marketplace no Brasil

No Brasil, a operação do AliExpress enfrenta alguns desafios como o custo e a onerosidade nos processos, porém com a alta demanda e aumento da participação do varejo no país, são inúmeras as oportunidades de desenvolvimento, dada a maturidade digital do marketplace.

De acordo com  Yan Di,  diretor geral da operação aqui no Brasil, foi preciso escalar uma frota de quatro voos semanais da China para alcançar uma entrega em 12 dias para São Paulo sem a necessidade de aderir a algum plano de adesão, como é o caso da Amazon. Estima-se que o Brasil seja um dos cinco maiores mercados de interesse para a operação da Aliexpress, e com 60% das pessoas consumidoras com menos de 35 anos e mais ativos online.

Para os próximos anos, a empresa espera alcançar 2 bilhões de usuários globalmente, a criação de 100 milhões de empregos e colaborar com 10 milhões de empresas de pequeno e médio porte.

 

Nova parceria entre a Intelipost e AliExpress Marketplace

Desde agosto de 2021, a Intelipost, está realizando o rastreamento dos pedidos dos sellers AliExpress Marketplace no Brasil. Isso quer dizer que a solução de Rastreamento da Intelipost irá realizar o acompanhamento dos pedidos para todos os sellers brasileiros. 

Juntas, a maior plataforma de comércio online cross-border e a líder de gestão de envios no Brasil irão assegurar maior robustez para operar com altos volumes e uma visibilidade centralizada para gestão dos pedidos.

No próximo dia 1º de setembro, o grupo Intelipost estará no evento AliExpress Seller Day falando sobre os principais desafios da logística no Brasil. 

relatório olhar da logística Intelipost