Logísticagestão de entregas
Os métodos de trabalho estão sempre sofrendo alterações. Essas mudanças os deixam mais eficientes e melhoram o resultado das atividades, tanto quando falamos de economia de tempo quanto de qualidade de serviço e robustez no processo. A gestão de entregas é um dos principais fatores de satisfação do cliente. Por esse motivo, deve ser tratada como uma tarefa crítica dentro de uma operação.

Qualquer ineficiência relacionada à gestão de entregas pode fazer com que o cliente nunca mais volte a comprar em determinada loja. Por causa disso, as empresas vêm trabalhando em soluções que promovam maior otimização de cada um dos processos de entrega, para que a experiência de compra do cliente seja potencializada, aumentando os níveis de satisfação.

O que é otimização?

A palavra otimização vem da matemática, dos estudos de pesquisa operacional. Em uma equação, a busca pela solução ótima é constante. Essa condição depende diretamente da forma como os recursos disponíveis, que são finitos, são alocados.

A otimização é, então, a melhor forma possível de alocação desses recursos para alcançar o resultado desejado, considerando as restrições de cada caso.

O que é a logística otimizada?

Uma logística otimizada significa trabalhar com o mínimo possível de recursos, permitindo alcançar o melhor resultado possível. Imagine a seguinte situação: uma empresa tem 3 mil mercadorias no armazém e precisa fazer a expedição de um determinado item.

Se esse produto não estiver codificado, e o armazém não oferecer endereços para cada prateleira, o colaborador responsável pela separação da carga levará muito tempo para encontrar o produto.

Tempo de processo reduzido, atividades simplificadas, menos movimentações diárias e operações sistematizadas são alguns exemplos do que é ter uma logística otimizada.

Por que otimizar a gestão de entregas?

Ao fazer a compra, o cliente tem a expectativa de receber a mercadoria no menor tempo possível. Com uma gestão de entregas otimizada, a empresa terá a possibilidade de tornar o seu processo mais eficiente, o que o deixará mais rápido. Isso pode encurtar bastante o prazo da entrega, aumentando, assim, a satisfação do cliente.

Quais são as dicas para uma gestão de entregas otimizada?

Crie um planejamento organizacional para todo o setor

Planejamento é a palavra-chave quando falamos de processos enxutos e aumento da eficiência de entrega. O primeiro passo é mapear todos os processos logísticos, inclusive aqueles que não estão na logística, mas que podem influenciar na gestão de entregas.

Portanto, organize cada atividade, descreva quais são os resultados que devem ser obtidos, como podem ser alcançados e o que esse resultado influenciará no processo.

Invista em treinamentos e capacitação para a equipe

Para alcançar os resultados desejados, é imprescindível que o time esteja capacitado e tenha experiência nas atividades que desempenham. Investir em treinamentos para a equipe e fazer simulações de tarefas é fundamental para que os processos se tornem mais eficientes.

Integre todas as áreas do seu negócio

Nenhuma área trabalha sozinha, já que todas são dependentes umas das outras. Para que os processos funcionem com eficiência e sejam otimizados, todos os setores precisam estar dentro de um mesmo padrão e trabalhando para um mesmo objetivo.

Cada colaborador precisa entender o que sua atividade pode influenciar nas tarefas seguintes, e o que eles podem fazer para que o processo todo se torne mais otimizado, buscando sempre a qualidade total.

Utilize sistemas automatizados

Os sistemas são fundamentais quando falamos de gestão de entregas, pois eles tornam as atividades mais precisas, eliminando erros operacionais e simplificando os processos. Além disso, podem auxiliar na comunicação com o consumidor de forma automática, deixando a empresa 100% à disposição do cliente, para qualquer necessidade de informação que tenha.

Qual é o impacto da gestão de entregas otimizada na experiência de compra?

O impacto acontece diretamente no índice de satisfação do consumidor. Cumprir prazos e realizar a entrega sem problemas com avarias ou extravios é o básico que precisa ser atendido para que a experiência de compra seja boa.

Soluções que permitam que o cliente acompanhe a mercadoria durante o transporte, que ofereçam avisos automáticos sobre as compras e que tenham um canal de comunicação com o consumidor são maneiras de fazer com que a experiência de compra exceda as expectativas, tudo isso por meio de uma boa gestão de entregas.

E aí, gostou do post? Apronfunde ainda mais os seus conhecimentos sobre gerenciamento de entregas e aumente a qualidade da experiência de compra para os seus clientes!