Logísticadistribuição de produtos
Se você trabalha com logística na sua empresa, sabe que a distribuição de produtos tem um fluxo bastante intenso e há muitos desafios a serem enfrentados. Entretanto, existem tecnologias que facilitam a gestão desse setor, aumentam sua eficiência e a entrega de resultados. Os consumidores estão cada vez mais exigentes, assim, inovações são fundamentais para satisfazê-los e fidelizá-los.

As principais soluções em tecnologia de distribuição de produtos

Destacamos aqui as soluções que podem ajudar a potencializar a performance das suas operações logísticas.

TMS (Transport Management System)

Também conhecido como Sistema de Gerenciamento de Transporte, trata-se de uma plataforma ampla que abrange desde as atividades operacionais até o suporte à gestão.

Entre as suas funcionalidades estão o cálculo automatizado de fretes, maior agilidade na gestão de despacho, otimização da performance de entregas por meio de um rastreamento em tempo real, auditoria automática das faturas, geração de relatórios de gestão em tempo real, entre outros recursos.

WMS (Warehouse Management System)

O Sistema de Gerenciamento de Armazém tem a finalidade de melhorar a gestão dos estoques durante todo o processo logístico, desde o armazenamento, separação e expedição dos pedidos, o que garante maior precisão do inventário.

Omnichannel

Trata-se da integração total dos canais de venda e atendimento, online e offline, eliminando as barreiras entre o estabelecimento físico e portal da loja. A estratégia encontra-se em ascensão e é uma grande aliada na promoção de uma experiência de compra única aos seus consumidores. Essencial para quem pretende começar a vender online.

Ferramentas de Customer Relationship Management (CRM)

Ferramentas de Gestão de Relacionamento com o Cliente servem para gerenciar as interações entre a empresa e todo o público-alvo (incluindo visitantes do site, novos consumidores ou clientes já fidelizados). Com o CRM é possível antecipar as necessidades do seu público e tomar as melhores decisões para satisfazê-los.

Realidade Aumentada

Essa tecnologia faz com que objetos reais interajam com virtuais. Por exemplo, pode-se fornecer treinamentos virtuais aos colaboradores, agilizar a localização de objetos dentro do centro de distribuição (com óculos inteligentes) e criar interações com os consumidores nas lojas físicas, por exemplo.

Inteligência Artificial

Com o objetivo de simular a inteligência humana, a IA é usada para automatizar atividades de caráter mais operacional, como monitoramento dos itens, análise de dados, geração de relatórios, entre outras. Isso otimiza a produtividade da equipe, que ganha tempo para se dedicar a atividades mais estratégicas para o negócio.

A importância do “toque humano” na experiência do consumidor

Deixar de lado uma comunicação humanizada é um dos maiores erros que podem ser cometidos no varejo durante a implementação de tecnologias, pois esse contato é fundamental para manter a qualidade do atendimento.

Há tecnologias que incorporam diferentes melhorias na comunicação, criando uma conexão única entre a marca e o consumidor.

Ao expandir seus canais de atendimento virtuais, por exemplo, a empresa terá uma proximidade maior com os consumidores nas redes sociais e aplicativos de comunicação.

O offline como otimizador da experiência online

A unificação entre o ambiente offline e online é essencial para melhorar o atendimento e tornar a experiência do consumidor memorável.

A estratégia que melhor alcança esse objetivo é o omnichannel, pois possibilita que os consumidores que compraram pela loja virtual sejam lembrados quando visitarem o estabelecimento físico, por exemplo, isso é possível quando os colaboradores utilizam o mesmo banco de dados em que estão registrados tanto os clientes que compram offline como online.

O contrário também é benéfico à empresa: um consumidor que testou um produto na loja física pode decidir comprá-lo pelo site posteriormente, maximizando as vendas do negócio.

Por que investir em inovação para distribuição de produtos?

Investir em tecnologias pode trazer grandes vantagens e um diferencial competitivo para as empresas, como:

  • agilidade: os sistemas realizam atividades mais rapidamente que os colaboradores, agilizando o fluxo de trabalho;
  • redução de custos: diminui-se o gasto com materiais físicos, encaminhamentos, reconhecimento de firma, despesas administrativas (gasto com pessoal) etc.;
  • redução de falhas: várias atividades serão automatizadas, o que elimina erros que gerem retrabalho e otimiza os processos;
  • aumento da produtividade: com a automação de operações burocráticas os colaboradores podem se concentrar em atividades mais relevantes e estratégicas;
  • satisfação do cliente: o nível de satisfação é potencializado pela melhoria da experiência de compra dos consumidores.

A distribuição de produtos é uma atividade chave para o sucesso de uma organização. Ao fazê-la, você conseguirá alavancar o desenvolvimento da sua empresa e torná-la mais competitiva no mercado.

Quer se aprofundar mais sobre o assunto? Baixe gratuitamente nosso guia de Tecnologias e Processos para Crescer no Mercado de Transportes!

distribuição de produtos